Programa de Pós-Graduação em Microbiologia e Parasitologia Aplicadas

O Programa

O PPGMPA foi instituído em 2007, através do esforço pessoal congregando nosso corpo docente, realizado pela Dra. Jussara Pereira do Nascimento. Com o seu falecimento, neste mesmo ano, o programa ficou órfão. Entretanto, nesse período, iniciou-se nas IFES, um extenso programa de re-estruturação universitária (REUNI), ainda vigente, que vem permitindo a reconstituição do corpo docente – deficitário desde a década de 90, com os planos de aposentadoria dos governos Collor e Fernando Henrique, bem como a recuperação estrutural de nosso prédio e laboratórios de pesquisa – esta recuperação ainda está em andamento, com o projeto de edificação de um novo prédio de laboratórios de pesquisa em área anexa ao atual Instituto Biomédico. Ainda inserido no REUNI, foi instituído um Programa de Apoio a Pós-Graduação da Universidade (PAPG) para aquisição de equipamentos de alta e média complexidade para laboratórios multiusuários, que vem sendo contemplados ao nosso departamento (Microbiologia e Parasitologia, MIP), desde sua implantação em 2008. Vale ressaltar que nos últimos anos, a implementação de um programa de fomento à pesquisa pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação da UFF (PROPPI-UFF), com editais de fomento (FOPESQ), Jovens pesquisadores, Grupos de Pesquisa, Inovação, entre outros, tem auxiliado na realização de nossos projetos individuais bem como daqueles descritos no diretório de grupos de pesquisa do CNPq, reforçando parcerias. Embora os resultados práticos em termos de publicações e inserção ainda estejam aquém da nossa real expectativa, acreditamos estar numa curva ascendente de geração de conhecimento científico e formação de recursos humanos de qualidade. A contratação de quatro novos docentes doutores, nos últimos três anos, veio incrementar subáreas de conhecimento, enriquecendo linhas de pesquisa em Microbiologia e Parasitologia.
Hoje, nosso programa apresenta duas áreas de concentração: Microbiologia e Parasitologia, sendo cinco linhas  de pesquisa: Bacteriologia, Micologia, Parasitologia, Paleoparasitologia e Virologia, que contém projetos nos seguintes temas: 1) Diagnóstico imunológico e molecular de doenças infecciosas e parasitárias, 2) Diversidade fenotípica e genotípica de microrganismos e parasitas patogênicos, 3) Estudo da diversidade de microrganismos e parasitas presentes no ambiente, 4) Estudos de epidemiologia, prevenção e controle de doenças infecciosas e parasitárias, 5) Aspectos biológicos e moleculares da resistência a antimicrobianos, 6) Paleobiologia, 7) Estudos da patogenia de microrganismos e parasitas de interesse em saúde humana e animal e, 8) Estudos evolutivos de microrganismos e parasitas de interesse humano e veterinário.
O curso conta ainda com 24 disciplinas de caráter geral (metodologia científica, estatística, entre outras) e ligadas às linhas de pesquisa. As diferentes abordagens nas áreas de conhecimento relacionadas à Microbiologia e à Parasitologia garantem aos nossos alunos uma formação científica avançada e multidisciplinar. As disciplinas obrigatórias são de responsabilidade dos docentes permanentes e tem como objetivo capacitar o aluno como docente de nível superior e pesquisador. Essas disciplinas mantém a identidade do programa, estimulando a visão crítica do processo de geração do conhecimento em Microbiologia e Parasitologia, vocação esta enriquecida pela atuação de nossos docentes na graduação, seja em disciplinas seja nas atividades de iniciação a pesquisa, à docência e extensão – tripé que alimenta nossa Universidade. Disciplina também obrigatória é a de Seminários Avançados em Microbiologia e Parasitologia Aplicadas, onde o aluno poderá participar de palestras no Centro de Estudos, que recebe pesquisadores renomados de diferentes Instituições de pesquisa da nossa região – a saber: Fiocruz, UFRJ, UERJ, INCa e da própria UFF.

Copyright 2019 - STI - Todos os direitos reservados

Translate »